Tag Archives: Europa

Os principais lugares para visitar em Roma

Se existe um país repleto de lugares fascinantes, com muita história, arquitetura e culinária espetacular, com certeza é a Itália e sua capital, Roma, é um dos meus destinos inesquecíveis!

A “Cidade Eterna“, como é conhecida, foi fundada em 735 a.C. e é uma das cidades mais importantes para a história mundial, uma das únicas no mundo em que grandes e antigos monumentos foram mantidos e se tornaram cartões de visita da cidade.

Na minha última visita, eu explorei todos os cantos da cidade italiana. A melhor opção é fazer um tour de bike pelos principais pontos turísticos. O passeio dura por volta de 1 hora, principalmente ao final da noite, quando as ruas estão mais vazias e com menos turistas, e além de ser uma opção barata, permite que você aprecie melhor a vista durante o trajeto.

Você pode alugar uma bicicleta elétrica pelo Get Your Guide por € 25 de 1 – 3 dias, já com capacete, cadeado, assento para crianças de até 4 anos e seguro inclusos.

Venha conhecer quais os lugares que eu indico para o tour:

Saiba os melhores lugares para visitar durante sua passagem pela capital da Itália!
Coliseu
Facilite a sua viagem, acesse o Get Your Guide e compre o pacote de passeios em Roma apenas clicando na imagem!
fonte: Pinterest

Coliseu: Considerado uma das 7 maiores maravilhas do mundo, inaugurado próximo de 80 d.C., foi palco do famoso “Pão e Circo” onde milhares de romanos assistiam gladiadores batalhando entre si ou com animais. Por conta de suas ruínas bem preservadas, o local é o principal ponto turístico de Roma e consequentemente é MUITO concorrido. Por isso, a DICA é comprar o ingresso com antecedência e adquirir o fast pass para evitar o estresse de uma fila quilométrica. Acesse o Get Your Guide clicando aqui e garanta já!

Saiba os melhores lugares para visitar durante sua passagem pela capital da Itália!
Fórum Romano
Facilite a sua viagem, acesse o Get Your Guide e compre o pacote de passeios em Roma apenas clicando na imagem!
fonte: Pinterest

Fórum Romano e o Paladino: Os ingressos são inclusos aos do Coliseu e eles ficam um do lado do outro, então ao sair do Coliseu passe por lá! O Arco de Tito, a Basílica Giulia e o Templo de Saturno fazem parte das construções do fórum que é uma grande praça aberta, então cheque a previsão do tempo e evite de ir em dia de chuva! O fórum era o centro da vida pública romana, eram realizados ali eleições, discursos políticos e processos criminais, ficando assim conhecido como “berço do Direito”.

Saiba os melhores lugares para visitar durante sua passagem pela capital da Itália!
Panteão
Facilite a sua viagem, acesse o Get Your Guide e compre o pacote de passeios em Roma apenas clicando na imagem!
fonte: Pinterest

Panteão: Do latim Pantheon que significa “de todos os deuses”, o Panteão tem mais de 2.000 anos e é a estrutura mais bem preservada da roma antiga. Hoje é utilizado como igreja católica e templo de oração, mas antigamente era utilizado com templo para adoração de deuses como Saturno, Vênus, Netuno e etc. Ainda lá dentro foram enterradas personalidades como pintores Raffaello e Annibale Caracci, os reis Vittorio Emanuele II e a rainha Margherita.

Saiba os melhores lugares para visitar durante sua passagem pela capital da Itália!
Fontana de Trevi
Facilite a sua viagem, acesse o Get Your Guide e compre o pacote de passeios em Roma apenas clicando na imagem!
fonte: Pinterest

Fontana Di Trevi: O ícone de Roma logo atrás do Coliseu. Quem nunca sonhou em jogar uma moedinha na fonte para fazer um pedido? Projetada por Nicola Salvi, a fonte é localizada no cruzamento de tre vie, ou seja, três estradas, marcando o final de um dos aquedutos mais antigos que abasteciam a cidade, a Aqua Virgo. Porém, desde 2007, a fonte passou a ser abastecida por uma bomba que traz a água do sistema de abastecimento da cidade. No meio da fonte tem a estátua do deus Oceano conduzindo uma concha puxada por dois cavalos-marinhos. A fonte fica na faixada do Palazzo Poli, que é a sede do Istituto Centrale per la Grafica e do museu Istituto Nazionale per la Grafica, que também valem a visita!

Saiba os melhores lugares para visitar durante sua passagem pela capital da Itália!
Piazza Di Spagna
Facilite a sua viagem, acesse o Get Your Guide e compre o pacote de passeios em Roma apenas clicando na imagem!
fonte: Pinterest

Piazza Di Spagna: Próximo ao Palazzo Fendi já citado em post anterior, a praça é um show a parte pela beleza e pelas ruelas ao seu redor! A piazza foi inaugurada no século XVI, consagrada pela igreja Trinità dei Monti, dando nome à famosa escadaria de 135 degraus, Escalinata di Trinità dei Monti, onde turistas e moradores ficam sentados, apreciando a cidade, principalmente na primavera/verão onde os jardins que decoram a escadaria ficam floridos. Um ótimo passeio para quem quer curtir a cidade, tanto de dia quanto a noite, e quer experimentar a culinária italiana, pois existem várias opções de cafés e restaurantes no local.

Saiba os melhores lugares para visitar durante sua passagem pela capital da Itália!
Via Dei Condotti
Facilite a sua viagem, acesse o Get Your Guide e compre o pacote de passeios em Roma apenas clicando na imagem!
fonte: Pinterest

Via dei Condotti: junto à Piazza Di Spagna está localizado o paraíso das compras e moda. Lá você pode encontrar boutiques das principais grifes italianas como Prada, Valentino, Armani, Gucci, Cartier e entre outras. Além disso, a rua e a arquitetura do local por si só já fazem a visita valer a pena.

Já conhece Roma e os pontos turísticos mais visitados? Tem algum lugar favorito que não pode faltar no seu roteiro pela cidade? Conte pra mim nos comentários! E não perca a chance de ganhar uma viagem com tudo pago para as Maldivas! Saiba mais aqui.

Hotel Raphael, em Paris.

Conheça o Hotel Raphael, em Paris

Quem está me acompanhando nas redes sociais e aqui no blog, sabe que estou viajando. Mais especificamente, estou em Paris. Por aqui estou hospedada num hotel maravilhoso que, sem dúvidas, é um dos melhores em que já fiquei: o Raphael.

O Hotel Raphael está muito bem localizado entre a Torre Eiffel e o Arco do Triunfo, os pontos turísticos mais visitados da cidade, e da estação de metrô que te leva para o Grand Palais e ao Musée du Louvre. Isso possibilita que o transito para as visitas nos locais seja feito a pé mesmo.

Hotel Raphael, em Paris.
Hotel Raphael, em Paris. Clique na imagem para fazer sua reserva pelo booking.com

Eu gosto de sempre me hospedar perto dos pontos turísticos, mesmo os grandes centros sendo um pouco barulhentos até na hora de dormir, justamente por essa facilidade. Não ter que alugar carro ou pegar um táxi para visitar os locais que quero ir é uma “mão na roda” e, no caso de Paris, super indico o Raphael.

O Hotel 5 estrelas oferece acomodações de tirar o fôlego. Luxuosas e muito confortáveis. Além disso a arquitetura e decoração do Raphael, incluindo a dos quartos, é linda. A área interna é decorada em estilo Louis XV e XVI, com movéis rusticos de madeira e tapeçarias que enriquecem o local com seus detalhes, lembrando as épocas passadas com elegância.

Área interna do hotel Raphael.
Área interna do hotel Raphael. Clique na imagem para fazer sua reserva pelo booking.com
Acomodação do Hotel Raphael.
Acomodação do Hotel Raphael. Clique na imagem para fazer sua reserva com o booking.com

Quando se trata dos serviços oferecidos pelo hotel, o Raphael não deixa a desejar. A propriedade dispõe de um restaurante e bar que serve pratos gourmet da gastronomia francesa, uma academia e sauna. Além disso, se tem acesso livre a piscina coberta e ao Spa do Majestic Hotel.

Sem falar do terraço com vista panorâmica da cidade, onde está localizado o restaurante Raphael. Os pratos servidos ali são maravilhosos e muito fiéis as técnicas e ingredientes franceses. Comer ali observando a linda Paris, principalmente a noite, é uma das melhores partes da viagem. A cidade é linda e ter essa vista durante uma refeição no Raphael é incrível.

English Bar, parte do Restaurante Raphael.
English Bar, parte do Restaurante Raphael.
Terraço do Hotel Raphael, com vista do Arco do Triunfo.
Terraço do Hotel Raphael, com vista do Arco do Triunfo. Clique na imagem para fazer sua reserva pelo booking.com

E finalizando, essa é a parte que mais amei. Aqui no Raphael os hospedes estão muito próximos das marcas mais cobiçadas do mundo como
Cartier e Louis Vuitton, e, consequentemente, o momento “vamos as compras” é muito mais prático.

Espero que tenham gostado das dicas e que não deixem de conhecer este hotel.

[show_shopthepost_widget id=”3584106″]

Não esqueça de compartilhar para concorrer a uma viagem para as Maldivas.

Fairmont Monte Carlo. Clique na imagem para fazer sua reserva pelo booking.com

Os melhores hotéis para ficar em Mônaco

Escolher o melhor hotel para ficar quando você vai viajar pode parecer um desafio, mas eu vim aqui te ajudar hoje indicando os meus hotéis favoritos em Mônaco, que, coincidentemente, é o meu destino favorito também.

Dos meus favoritos, sem dúvidas o que eu mais amo é o Le Méridien Beach Plaza.

Le Méridien Beach Plaza. Clique para fazer sua reserva pelo booking.com
Le Méridien Beach Plaza. Clique para fazer sua reserva pelo booking.com

Gosto desse hotel porque tem uma vibe jovial e é o único em Monte Carlo que possui uma praia particular e uma vista do mar que já paga toda a viagem. O hotel também oferece piscinas cobertas e ao ar livre, academia, uma série de bares e restaurantes 24H e salão de beleza.

  • Hotel de Paris
Hotel de Paris. Clique na imagem para fazer sua reserva pelo booking.com
Hotel de Paris. Clique na imagem para fazer sua reserva pelo booking.com

O Hotel de Paris, ao lado do casino mais famoso de Monte-Carlo já teve um de seus restaurantes citados aqui no blog.

O local dispõe para seus hospedes passe livre ao SPA Thermes Marins Monte-Carlo, uma adega de vinhos, um piano bar e dois restaurantes que permitem a vista da praça do Casino.

  • Fairmont Hotel
Fairmont Monte Carlo. Clique na imagem para fazer sua reserva pelo booking.com
Fairmont Monte Carlo. Clique na imagem para fazer sua reserva pelo booking.com

Este hotel eu indico para os fãs de Formula 1 e corridas em geral. O Fairmont tem um terraço com vista privilegiada do circuito de Mônaco, além de piscina ao ar livre, 4 restaurantes e bares, shopping center, cassino, salão de cabeleireiro, academia e spa.

O Fairmont também disponibiliza serviço de transfer para as três praias mais próximas.

  • Hotel Metrópole Monte Carlo
Hotel Metropole Monte-Carlo. Clique para fazer sua reserva pelo booking.com
Hotel Metropole Monte-Carlo. Clique para fazer sua reserva pelo booking.com

O ponto alto do hotel é a decoração, feita por Jacques Garcia, e arquitetura. Acho linda a forma como o moderno e o clássico são bem combinados.

No Metropole os hospedes desfrutam de três restaurantes, dias de relaxamento no SPA House of Givenchy e um espaço ao ar livre com piscina aquecida com água do mar. Além disso existe uma casa da piscina disponível.

  • Hotel Hermitage Monte Carlo
Hotel Hermitage. Clique para fazer sua reserva pelo booking
Hotel Hermitage. Clique para fazer sua reserva pelo booking.com

O próprio hotel é considerado monumento histórico de Mônaco, já que ele fica em um antigo Palácio do país. E para não perder suas raízes o Hermitage é decorado em estilo Belle Époque.

No Hermitage você poderá usufruir de serviços no SPA cinco estrelas do hotel, dois bares, onde são servidos vinhos vintage e as melhores bebidas de Mônaco, um restaurante e academia.

  • Monte Carlo Bay Hotel & Resort
Monte Carlo Bay Hotel & Resort. Clique na imagem para fazer sua reserva pelo booking
Monte Carlo Bay Hotel & Resort. Clique na imagem para fazer sua reserva pelo booking.com

Por último, mas não pior, indico este resort localizado na península de Larvotto para os que desejam um pouco mais de calma e relaxamento na sua viagem.

No Monte Carlo Bay, você irá relaxar em um dos melhores SPAs que já fui e poderá também desfrutar da piscina ao ar livre, do salão de jogos, dos diversos restaurantes no hotel e da academia. Além disso também existe um club infantil, para que as crianças também tenham diversão garantida durante a viagem em família.

Gostou das dicas? Deixe seu comentário dizendo se já foi ou não a algum desses hotéis, vamos compartilhar experiências.

Você pode fazer sua reserva nos hotéis clicando nas imagens de cada hotel ou abaixo!

[show_shopthepost_widget id=”3579334″]

E não esqueça de compartilhar o post para concorrer a uma viagem para as Maldivas.

Juju Coelho em Visita ao Palais Garnier usando macaquinho Zara, Chinelo Zara e Jaqueta Jeans Forever 21.

Conheça o Palais Garnier, na Cidade de Paris

Na minha última viagem a París tive a oportunidade de conhecer a linda casa de ópera chamada de Palais Garnier localizada no IX arrondissement de Paris, França. O edifício é considerado uma das obras-primas da arquitetura de seu tempo.

Construído em estilo neobarroco, é o 13º teatro a hospedar a Ópera de Paris, desde sua fundação por Luís XIV, em 1669. Sua capacidade é de 1979 espectadores sentados. O palácio era comumente chamado apenas de Ópera de Paris, mas, após a inauguração da Ópera da Bastilha, em 1989, passou a ser chamado Ópera Garnier.

 Juju Coelho em Visita ao Palais Garnier usando macaquinho Zara, Chinelo Zara e Jaqueta Jeans Forever 21.
Juju Coelho em Visita ao Palais Garnier usando macaquinho Zara, Chinelo Zara e Jaqueta Jeans Forever 21.

[show_shopthepost_widget id=”3578136″]

O look que escolhi para o meu passeio foi um macaquinho de poa vermelho da Zara bem soltinho e confortável junto com um chinelão também da Zara e uma jaquetinha básica da forever21. 

 Juju Coelho em Visita ao Palais Garnier usando macaquinho Zara, Chinelo Zara e Jaqueta Jeans Forever 21.
Juju Coelho em Visita ao Palais Garnier usando macaquinho Zara, Chinelo Zara e Jaqueta Jeans Forever 21.

[show_shopthepost_widget id=”3578136″]

 Juju Coelho em Visita ao Palais Garnier usando macaquinho Zara, Chinelo Zara e Jaqueta Jeans Forever 21.
Juju Coelho em Visita ao Palais Garnier usando macaquinho Zara, Chinelo Zara e Jaqueta Jeans Forever 21.

[show_shopthepost_widget id=”3578136″]

Espero que tenham gostado e não deixem de visitar o local durante a sua visita em Paris. 

https://widget.getyourguide.com/v2/widget.js

Não esqueça de Compartilhar para concorrer a uma viagem para as Maldivas.

Val D'Isere, na França.

10 Estações de Ski para Viajar no Carnaval

O carnaval é um dos feriados que principalmente nós brasileiros adoramos viajar e aproveitar.

Se você quer uma sugestão um pouco mais charmosa e sofisticada, que tal aproveitar o que as estações de ski da Europa tem de melhor para nos oferecer? Além das pistas incríveis, encontramos hotéis super requisitados, noites agitadas e uma gastronomia de chorar de emoção.
Então escolha sua estação e Boa Viagem!

  • St Moritz – Suiça 
 St Moritz, na Suiça.
St Moritz, na Suiça. 


A paisagem é extraordinária. São 25 lagos de águas cristalinas, bosques e geleiras.

A cidade oferece o famoso “Clima Champagne”, com hóspedes famosos de todas as partes do mundo e um sistema impecável de hotelaria. Eleita a estação mais elegante e exclusiva da Suiça, além de ski, a variedade de esportes de inverno e sua requintada gastronomia colocam a estação no topo da lista das dez mais procuradas da Europa.

Recomendo o Hotel Badrtt’s Palace porque além de ser meu predileto, é um marco da cidade. Possui uma incrível vista para os Alpes e oferece uma alta gastronomia, no famoso restaurante francês Le Restaurant.

  • Crans Montana – Suiça
Crans Montana, na Suiça.

Localizada em um planalto, na parte sul dos Alpes Suiços, são duas estações de ski, que juntas formam o maior resort da Suiça e oferecem a maior porcentagem de dias com sol. Para os esquiadores, este é um lugar que agrada desde os principiantes até os mais entendidos do assunto.

A Crans Montana foi sede do Campeonato mundial de Ski em 1987. Fica próximo á cidade de Sion, a 105 Km de Geneve. Além de ser excelente para o ski, também é ideal para prática de outros esportes de inverno.

Para quem prefere outro tipo de “desportos”, também não faltam passatempos. As boutiques sofisticadas vendem todas as marcas de alta costura e os apreciadores da gastronomia têm muito com o que se entreter, pois todas as localidades estão cheias de estabelecimentos gourmet, caver e restaurantes, onde é servida a deliciosa culinária regional e especialidades internacionais. E é claro, o local também dispõe de atividades noturnas como clubs e cassinos.

  • Zermatt – Suiça
 Zermatt, na Suiça

Zermatt, na Suiça

Esta antiga vila suiça localizada no vale, aos pés do Mont Cervin, cercada por espetaculares montanhas, tem todo o charme de um típico vilarejo Suiço, onde o tráfego de carros é proibído e o transporte é feito por cavalos (charretes e carroças) e carros elétricos.

As áreas de ski, muitas delas abertas durante todo o ano, se entrelaçam e é possível esquiar dias sem passar duas vezes pela mesma pista. Possui cursos de kki, heliskiing, além de um aprés-ski muito animado. Há também restaurantes de primeira classe e para todos os tios de gosto.

A cidade também oferece discotecas, pistas de patinação, quadras de tênis e de squash, golf indoor, cinema e muito mais.

  • Verbier -Suiça
Verbier, na Suiça.
Verbier, na Suiça.

Este Ski resort é um dos mais badalados da Suiça. Uma montanha exclusiva onde os dias são para serem dedicados ao ski e ao snowboard em quatro diferentes vales, que oferecem cerca de 250 milhas de pistas para todos os níveis de esquiadores.

E quando a noite chega, vive-se o verdadeiro estilo Alpino de Verbier com seus confortáveis chalés, ótima gastronomia e bares cheio de música e animação.

  • Davos – Suiça
Davos, na Suiça.
Davos, na Suiça.

Considerada uma das melhores estações da Suiça, oferece condições de ski para todos, do iniciante ao expert.

É a estação com as pistas mais altas da Europa e uma das mais emblemáticas e antigas. Davos possui cinco áreas de ski, pistas agradáveis e longas, além de uma incrível vista para o lago de Davos.

Sede de competições nacionais e internacionais, a cidade oferece halfpipe permanentemente iluminada, 2 funparks com jumps e rails e um boardercross com jumps. Para os amantes de ski fundo, há 75 km de pistas.

Os visitantes podem aproveitar inúmeras atividades, como praticar patinação no gelo no maior ringue natural da Europa, visitar o grande centro desportivo com piscina coberta, sauna e pista de atletismo. Além de ir aos mais de 70 restaurantes, de todos os tipos e gostos, bares de jazz, nightclubs, discotecas e museus.

  • Gstaad – Suiça
Gstaad, na Suiça.
Gstaad, na Suiça.

É uma vila de 3.600 habitantes, no interior do cantão de Berna.

A típica estação alpina é conhecida pelos torneios de tênis, beach volley e golfe. Na região há cerca de 10 restaurantes que figuram no Gault- Milau, o guia francês que é considerado referência em matéria de gastronomia.

A cidade Oferece de chalés luxuosos a hotéis confortáveis, localizados a 52.4 km do aeroporto Bern Belp e a 93.4 km do aeroporto Geneva Cointrins. Os visitantes podem conferir diversas atrações como patinação no gelo, jogos de curling, squash, passeios de trenó e, para relaxar, saunas, massagens e piscinas aquecidas. A vida noturna é repleta de animação e elegância.

  • Courchevel – França
Courchevel, na França.

Courchevel, na França.

Não há lugar mais sofisticado nos Alpes.

Courchevel 1850 respira glamour em tudo, dos hotéis e restaurantes estrelados aos spas, lojas de grife, salões de chá, bares e discotecas. Lá vale cada palavra da expressão “serviço á la Carte”, graças a qualidade excepcional de seus serviços.

E mais: em meio aos “Trois Vallées”, emoldurada por cenários estonteantes, a estação é parte da maior área esquiável do mundo, que engloba mais de 660 quilômetros de pistas interligadas.

Conhecida como a estação das estrelas, devido á presença de celebridades do mundo todo nas altas temporadas de esqui, está localizada a 104 km de Geneve, e 626 Km de Paris (4 horas e meia pelo TGV), com vários vôos diários para as maiores cidades da Europa.

  • Val D’Isere – França
Val D'Isere, na França.
Val D’Isere, na França.

Quase na fronteira da Itália, nas montanhas da região de Savoie, a pequena vila é considerada uma das melhores estações de esqui da Europa.

Sem a badalação das estações vizinhas, Val, como é carinhosamente chamada por seus habitantes, é um lugar para quem realmente gosta dos esportes de neve e não para quem quer desfilar casacos de pele e Rolex.

Os mais de 300 quilômetros de pistas marcadas, a maioria de nível intermediário a avançado, possui uma infinidade de áreas off pistas que atraem milhares de esquiadores e snowboarders low profile. Não é á toa que, em 2009 o campeonato mundial de esqui alpino foi realizado em suas íngremes montanhas.

  • Chamonix -França
Chamonix, na França.
Chamonix, na França.

Situada aos pés do Mont Blanc, Chamonix faz fronteira com a Itália e Suiça e eu tive a oportunidade de conhecer.

 A estação se beneficia de um ambiente excepcional. O famoso lugar de alpinismo recebe visitantes há dois séculos e é ponto de partida de muitas randonnées.
A cidade cosmopolita oferece uma área de esqui fora do comum, com possibilidades de chegar a Aiguile du Midi graças ao teleférico, para uma descida inesquecível .

 A cidade oferece museus, parapentes, cinema, biblioteca, boliche, discoteca e spa.

  • Madonna di Campiglio – Itália
Madonna di Campliglio, na Itália.
Madonna di Campliglio, na Itália.

Localizada em um montanhoso vale em brenta Dolomites, a 100 km de Bolzano e a 3 horas de Verona, a estação é oficialmente avaliada como o mais importante ski resort da Itália pela qualidade de suas pistas e pela tradição em sediar eventos internacionais de esportes de inverno, como “World Cup Ski Races” e o “Snowboarding Championships”.

  • Bonus: Cortina D’Ampezzo – Itália
Cortina D'Ampezzo, na Itália.
Cortina D’Ampezzo, na Itália.

Cercada pelos penhascos rochosos das Dolomitas, a tradicional e sofisticada Cortina possui um dos mais animados aprés-Ski da Europa.

Em uma união perfeita entre o espírito festeiro italiano, sua gastronomia e muito charme é a principal estação da Itália, frequentada especialmente pela elite das cidades de Turim e Milãao. Com excelente infra-estrutura para a prática dos esportes de inverno, sediou as Olímpiadas de Inverno de 1956.

A estação oferece serviço de transferência para o aeroporto de Veneza.

Espero que tenham gostado e aproveitem as dicas. Não deixem de comentar a opinião de vocês sobre essas estações!